Imprimir
Visualizações: 1150
1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 (0 Votes)

Autor: C. Araújo e Costa (Aluno)
Título: Anima
Escrito a: 21 de outubro de 2013
Class.: Literatura Portuguesa
CDU: 821.134.3

 

 

Anima

 

A chuva parou: é hora de regressar
À beleza do simples,
À raiz da inocência
E vê-los florescer depois da rega,
Nas tréguas da Natureza
A seguir ao dilúvio.

É hora de regressar àquilo que nos faz
Humanos:
O Amor,
A Razão,
As emoções,
A fé, em algo ou na inexistência de algo.

A Dúvida.

Talvez as maiores dádivas que o Homem possui
Sejam a Dúvida e a Ignorância que alimentam
Uma alma
Faminta por soluções e por novas dúvidas,
Propagando a linha do conhecimento adquirido por falta dele,
Pela curiosidade que move fronteiras de desconhecido para atingir
Uma Verdade Universal,
Que mesmo assim não deixa todos convencidos.

Talvez seja a Dúvida que nos faz Humanos,
E o orgulho ferido no reconhecimento da nossa enorme
Ignorância
Que nos faz desejosos de nos provarmos sábios,
De nos sentirmos em controlo da realidade,
Dos seus fenómenos e na ausência deles.

Talvez a Dúvida seja Alma e Mãe
De tudo à nossa volta.